Tudo sobre Tomar e arredores
Comentar
Publicado por Luís Ribeiro, em 27.01.09 às 18:55Link do artigo | favorito

A 10 de Agosto de 1385, dia do mártir S. Lourenço, as hostes de D. João I juntaram-se neste local, às do Condestável D. Nuno Álvares Pereira, rumo a Aljubarrota. 
A Capela e o Padrão assinalam o encontro e o santo, orago da ermida, deu o nome ao lugar.
Aires de Quental, encarregado de ali construir uma fábrica de armas, por D. Manuel, foi o edificador da Capela.

 


pesquisar
 
Descobertas arquivadas
pesquisar
 
Sobre mim
blogs SAPO